Uncategorized

12Aug 2014
1. Denuncie desmatamentos próximos a nascentes, rios, lagos ou córregos, isto é proibido, as matas ciliares protegem as margens evitando assim o assoreamento dos corpos d’água e consequentemente problemas com erosões e enchentes.
2. Se no seu município o esgoto é jogado sem tratamento nos rios, procure a Prefeitura ou a concessionária que presta este serviço e exija providências, pois a água contaminada pode ser um grande vetor de doenças. Segundo a UNICEF, aproximadamente 10 milhões de pessoas morrem anualmente no mundo por doenças transmitidas pela água.
3. Verifique se o lixo doméstico produzido no se município é disposto em local apropriado, exija do poder público municipal a erradicação de lixões clandestinos. O lixo além de ser um vetor de doenças e pragas, pode contaminar o solo, os rios e as águas subterrâneas. Vale lembrar que lixos como plástico e vidro levam em média 350 anos para desaparecer.
4. Denuncie a aplicação de defensivos agrícolas proibidos, pois com as chuvas, estes pesticidas são levados até os rios e lagos, contaminando assim as águas, as aves, peixes, crustáceos e moluscos. Os pesticidas organoclorados como o Aldrin, DDT e Dieldrin, são os mais perigosos, segundo a Agência Ambiental dos USA, os mesmos podem causar câncer.
5. Não pratique atividade de pesca predatória, e denuncie quem o faz. Respeite a época de defeso e o tamanho de captura de cada espécie, desta forma você estará contribuindo para conservação da biodiversidade de nossos rios e mares.
6. Contemple as belezas naturais como as cachoeiras, rios, praias, ilhas e manguezais com respeito e consciência, não danifique a paisagem visitada, deixe no local apenas pegadas, e leve de recordação apenas fotos.
7. Quando necessitar usar alguns recurso natural, faça-o com racionalidade, pense nas gerações futuras, pois a TERRA não foi doada pelos nossos pais, ele apenas foi emprestada pelos nossos filhos.
8. Lembre-se sempre, que a água é a fonte de toda a vida no Planeta, é ela que nos une e nos alimenta, portanto qualquer alteração na sua essência, nos afetará diretamente.
9. Mobilize sempre que possível sua comunidade, participe, ajude a fiscalizar e promover ações e projetos na defesa do meio ambiente, dos recursos hídricos e da melhoria da qualidade de vida de sua cidade e da região.
10. O Comitê de Bacia Hidrográfica, é o principal fórum de discussão dos programas e ações que visam promover a integração entre os usuários das águas e a manutenção e recuperação dos recursos hídricos. Sua participação e a participação de sua comunidade na discussão dos temas relacionados à Bacia, são fundamentais, pois só com o engajamento da sociedade é que conseguiremos buscar alternativas para uma gestão equilibrada dos recursos naturais da região, alcançando assim o seu desenvolvimento sustentável.