12Aug 2014
1. Denuncie desmatamentos próximos a nascentes, rios, lagos ou córregos, isto é proibido, as matas ciliares protegem as margens evitando assim o assoreamento dos corpos d’água e consequentemente problemas com erosões e enchentes.
2. Se no seu município o esgoto é jogado sem tratamento nos rios, procure a Prefeitura ou a concessionária que presta este serviço e exija providências, pois a água contaminada pode ser um grande vetor de doenças. Segundo a UNICEF, aproximadamente 10 milhões de pessoas morrem anualmente no mundo por doenças transmitidas pela água.
3. Verifique se o lixo doméstico produzido no se município é disposto em local apropriado, exija do poder público municipal a erradicação de lixões clandestinos. O lixo além de ser um vetor de doenças e pragas, pode contaminar o solo, os rios e as águas subterrâneas. Vale lembrar que lixos como plástico e vidro levam em média 350 anos para desaparecer.
4. Denuncie a aplicação de defensivos agrícolas proibidos, pois com as chuvas, estes pesticidas são levados até os rios e lagos, contaminando assim as águas, as aves, peixes, crustáceos e moluscos. Os pesticidas organoclorados como o Aldrin, DDT e Dieldrin, são os mais perigosos, segundo a Agência Ambiental dos USA, os mesmos podem causar câncer.
5. Não pratique atividade de pesca predatória, e denuncie quem o faz. Respeite a época de defeso e o tamanho de captura de cada espécie, desta forma você estará contribuindo para conservação da biodiversidade de nossos rios e mares.
6. Contemple as belezas naturais como as cachoeiras, rios, praias, ilhas e manguezais com respeito e consciência, não danifique a paisagem visitada, deixe no local apenas pegadas, e leve de recordação apenas fotos.
7. Quando necessitar usar alguns recurso natural, faça-o com racionalidade, pense nas gerações futuras, pois a TERRA não foi doada pelos nossos pais, ele apenas foi emprestada pelos nossos filhos.
8. Lembre-se sempre, que a água é a fonte de toda a vida no Planeta, é ela que nos une e nos alimenta, portanto qualquer alteração na sua essência, nos afetará diretamente.
9. Mobilize sempre que possível sua comunidade, participe, ajude a fiscalizar e promover ações e projetos na defesa do meio ambiente, dos recursos hídricos e da melhoria da qualidade de vida de sua cidade e da região.
10. O Comitê de Bacia Hidrográfica, é o principal fórum de discussão dos programas e ações que visam promover a integração entre os usuários das águas e a manutenção e recuperação dos recursos hídricos. Sua participação e a participação de sua comunidade na discussão dos temas relacionados à Bacia, são fundamentais, pois só com o engajamento da sociedade é que conseguiremos buscar alternativas para uma gestão equilibrada dos recursos naturais da região, alcançando assim o seu desenvolvimento sustentável.
04Aug 2014

A sensação de sede diminui, mas ingestão de líquido é importante para prevenir doenças.
O inverno faz cair não só a temperatura, como o consumo de água. Entretanto, especialistas advertem: a sensação de sede diminui, mas a importância do líquido para o organismo não. O consumo de cerca de dois litros nesses dias mais frios é importante para evitar problemas renais, doenças de pele e desidratação.
A nutricionista Edna Garambone afirma que o cuidado deve ser redobrado com idosos e crianças, que desidratam com mais facilidade.
“Refrigerante, só se for numa ilha deserta e se não tiver outra escolha!”, avisa a nutricionista.

Doenças podem se agravar
O chefe do serviço da Nefrologia do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, Alvimar Gonçalves Delgado, explica que, nesta época do ano, nós temos uma tendência a eliminar mais água pela urina, já que suamos menos do que nos dias mais quentes.
“Quem já desenvolveu algum problema renal deve prestar atenção nessa época do ano para evitar que tais doenças se agravem. Nessa época do ano, esses casos surgem quando diminui essa vigilância em relação à água”, explica Delgado.
O alerta vale não só para quem tem tendência a formar pedra nos rins ou cistite. Quem sofre de infecções urinárias de repetição, causadas por baixa imunidade, também deve manter o consumo de água em dia, segundo Delgado.

É comum o aumento do número de pessoas com problemas de pele nos consultórios nessa época do ano. Sem a quantidade necessária de água no organismo, a pele tende da ficar mais ressecada, afetando principalmente quem sofre de dermatoses, idosos e atletas que exercem atividades ao ar livre.

“Essa época do ano é a temporada da pele seca. Mas o importante é saber dosar a quantidade certa de água para o organismo. Uma pessoa normal deve consumir de dois a quatro litros de líquido por dia. Mas quem tem problemas renais ou insuficiência cardíaca deve ter cuidado para não sobrecarregar os rins ou o coração”, explica.

Fonte: Globo.com

02Jun 2014

g4j5A Valle Azul dentro de seus princípios fundamentais de proporcionar saúde e bem estar aos seus consumidores participa como patrocinador oficial da equipe Perfect Run, de Porto Alegre. Uma das maiores e consagradas equipes de corrida e maratona do Brasil. No dia 01/12 realizou-se em Porto Alegre o 6º Perfec Run Day onde a Água Mineral Valle Azul, como patrocinadora do evento, distribuiu seus produtos ao longo de todo o evento.